Doce e Bom > Novas receitas em www.doceebom.pt

Se é seguidor assíduo certamente que já deu conta de que estava a preparar esta mudança. Se é a primeira vez que cá vem, só agora está a descobrir.

Pois bem, a partir de hoje vou deixar de actualizar este domínio passando o blog para www.doceebom.pt. Trata-se de uma mudança apenas de nome para ficar mais profissional.

O sabor mantém-se doce e bom!

Se quer ficar a conhecer mais receitas saborosas procure no novo site. Espero que me continuem a seguir, a próxima receita já lá está!

DOCE  E BOM

Anúncios

Sobremesa de maracujá

Ingredientes:
Maracujá q.b.
1 pacote de bolachas
Amêndoa q.b.
Manteiga q.b.
2 pacotes de Natas
sumo de 2 limões e raspa de 1
1 dl. de leite condensado

Esmagar as bolachas em pequenos pedaços. Torrar a amêndoa e juntar-lhe a bolacha, a manteiga e 1 pitada de sal grosso.

Bater dois pacotes de natas e o leite condensado, juntar a raspa do limão e o sumo. Misturar e levar ao frigorífico.

Na hora de servir pegue num copo e ponha uma camada de bolacha no fundo, no meio o creme e por cima a polpa de maracujá.

Tarte de Morango e Maracujá

1 pacote e meio de bolacha Maria
100 gr de manteiga amolecida
11 maracujás
300 ml de água
1 pacote de gelatina de sabor morango/maracujá
1 lata de leite condensado
sumo de meio limão

Picar as bolachas na picadora em pó e juntar com a manteiga amolecida, unindo bem. Colocar a mistura numa tarteira de fundo amovível e calcar bem de forma a fazer a base da tarte.

Dissolver a gelatina numa chávena de água a ferver e adicionar a restante água que tem de estar bem fria. Juntar depois o leite condensado, o interior dos maracujás e o sumo do limão. Envolver bem a mistura.

Virar na tarteira e levar ao frigorífico a solidificar. Desenformar e servir fresquinha.

Semifrio de Maracujá

1 base de bolo
4 dl de natas frias
4 folhas de gelatina
3 dl polpa de maracujá

Faça a base de bolo e ponha a arrefecer. Depois de fria coloque-a no aro em cima de um prato.

Bata as natas em neve. Coloque as folhas de gelatina em água fria até amolecerem. Depois derreta-as com uma colher de sopa de polpa de maracujá. Depois de derretidas junte à restante polpa e misture bem. Junte a polpa às natas, misture bem e deite por cima do bolo. Leve ao frio.

Depois de solidificado, junte umas três/quatro colheres de sopa de polpa de maracujá a uma rasa de açúcar, mexa até o açúcar derreter e barre por cima do semifrio.

Semifrio de Menta e Chocolate

1 base de bolo (pode usar a do Semifrio de Iogurte)
7 folhas de gelatina incolor
3,5 dl de natas frias
1 lata de leite condensado
1 cálice de licor de menta
150 gr de chocolate em tablete

Leve o chocolate à picadora e pique a gosto. Coloque a base no fundo de um aro e reserve.

Coloque as folhas de gelatina em água fria, escorra e leve ao lume a derreter em banho maria. Bata as natas em neve.

Numa tigela misture o leite condensado com o licor e a gelatina envolvendo bem e de seguida junte as natas bem batidas e o chocolate picado. Leve ao congelador durante dois minutos para solidificar muito ligeiramente e verta o preparado por cima do bolo. Leve ao frio para solidificar bem.

Depois de bem solidificado desenforme e sirva fresco. Pode decorar com raspas de chocolate e uma folhinha de hortelã.

Se gosta de doces com menta experimente também a Tarte de Menta e Chocolate.

Doce de Leite Condensado com Gelatinas

1 pacote de gelatina instantânea de sabor a morango/maracujá (85 gr)
1 pacote de gelatina instantânea de sabor a manga/pêssego (85 gr)
1 pacote de gelatina instantânea de sabor a tutti-fruti (85 gr)
7 folhas de gelatina incolor
1 lata de leite condensado
0,5 dl de leite
4 dl de natas frias
50 gr. de açúcar

Preparar antecipadamente as gelatinas conforme as instruções da embalagem. Os sabores são apenas sugestão. Podem escolher outros sabores que prefiram. A ideia  é dar colorido ao doce. Convém colocar as gelatina num recipiente que permita depois desenformar.

Quando prontas, para desenformar mergulhe o recipiente em água quente até 2/3 da altura. Depois de desenformados, corte em pedaços e coloque num tabuleiro com pelo menos 25 por 20 cm. O tamanho dependa da altura que quiser dar ao doce, mas mais pequeno não vale a pena, a não ser que pretenda fazer mais do que um doce. Reserve.

Para o doce de leite condensado, demolhe as folhas de gelatina em água fria, escorra e leve ao lume a derreter numa colher de sopa de leite.

Numa tigela misture o leite com o leite condensado e junte a gelatina derretida. Bata as natas em neve, junte o açúcar e misture ao preparado. Verta este preparado no tabuleiro por cima das gelatinas e leve ao frigorífico até solidificar.

Para desenformar mergulhe o tabuleiro em água quente até 2/3 da altura do doce e vire num prato de servir. Atenção para não deixar tempo demais na água quente, pois o doce começa a derreter. Se isso acontecer não desenforme e coloque no frigorífico para voltar a solidificar.

Tarte de Frutos Vermelhos

Massa:
175 gr de farinha
30 gr de açúcar
125 gr de manteiga
1 ovo

Juntar todos os ingredientes e misturar até obter uma massa homogénea. Levar ao frio por cerca de 15 minutos e forrar uma tarteira de fundo amovível. Reservar.

Recheio:
250 gr de frutos vermelhos
175 gr de açúcar
2 ovos
2 dl de leite ou natas
1/2 colher de chá de canela

Juntar metade dos frutos vermelhos numa tigela com o açúcar, envolver bem e deitar por cima da massa na tarteira. Vai ao forno durante 15 minutos a 165ºC.

Enquanto isso bata os ovos com o leite e a canela. Retire a tarte do forno e regue-a com este preparado. Volta a ir ao forno durante 20 minutos.

Decore com os restantes frutos, polvilhe com o açúcar em pó e sirva quente ou ainda morna.

Tarte de Maçã e Amêndoa

Massa folhada
Vinho do Porto q.b
açúcar q.b.
pau de canela
amêndoa torrada q.b.
3 Maçãs Golden
Sumo de limão q.b.
Geleia

Estender a massa folhada. Passar um pincele humedecido com água pelas beiras e picar ao de leve com um garfo a massa.

Fazer uma calda com o vinho do Porto, o açúcar, a canela e o sumo de Limão. Colocar a maçã aos cubos a cozer nesta calda até ficar com um toque mole. Torrar a amêndoa laminada (deixe alguma para decorar) num tacho e juntar ao preparado anterior.

Espalhar este preparado pela massa e levar ao forno a cozer até dourar um pouco. Quando estiver pronta, com um pincele espalhe um pouco de geleia para dar brilho e espalhe um pouco de amêndoa.

Sirva ainda morna ou fria, ao gosto de cada um 🙂

Puré de Maçã

1 copo de água
3 colheres de sopa de açúcar
1 pau de canela
casca de limão
3 maçãs (não é necessário descascar)
Vinho do Porto a gosto
canela em pó q.b.

Faça uma calda com a água, o açúcar, o pau de canela e o limão e junte as maçãs cortadas aos cubos a cozer até se desfazerem. Junte então o vinho do Porto e desfaça em puré.

Polvilhe com a canela em pó e sirva quente ou frio, como preferir.

Rosas de Maçã

250 gr.de massa folhada
1 copo de água
3 colheres de sopa de açúcar
1 pau de canela
casca de limão
3 maçãs
Geleia para pincelar
1 chávena de creme de pasteleiro
Amêndoa laminada torrada a gosto

Preparação:

Corte as maçãs em fatias bem finas em meias-luas. Reserve.

Faça uma calda com a água, o açúcar, a canela e o limão e junte as maçãs a cozer por 5 minutos. Escorra a calda para uma chávena e use depois num puré de maçã.

Estenda a massa folhada e corte-a em tiras de +/- 3 cm. de largura. Pincele as tiras com o creme de pasteleiro, espalhe a amêndoa laminada e coloque as meias luas de maçã em cima, mas de forma a que fiquem ligeiramente por fora. E enrole.

Coloque os rolos no tabuleiro e leve ao forno pré-aquecido a 200 º por 15-20 minutos até que as rosas estejam douradas. Pincele com a geleia por cima e deixe arrefecer.

fonte: Sabor Intenso